Conheça medidas para prevenir o adoecimento do trabalhador

Governo do Brasil | 25 de Janeiro de 2018
Conheça medidas para prevenir o adoecimento do trabalhador

Entre 2012 e 2016, 55,3 mil casos de trabalhadores que se licenciaram das atividades por transtorno psicológico foram registrados no Brasil. Entre causas frequentes estão a carga de trabalho excessiva, insegurança laboral, exigências contraditórias, falta de clareza nas funções, falta de apoio, assédio moral ou sexual, entre outros.

Esse retrato é do Observatório Digital, iniciativa firmada entre o Ministério Público do Trabalho e a Organização Internacional do Trabalho, e aponta para um aumento de casos de depressão e transtornos de ansiedade, além de outros transtornos psicológicos, que representam quase 28 mil dos casos registrados. Confira dicas que tornam o ambiente de trabalho mais positivo: 

Metas alcançáveis

Para o auditor fiscal do Ministério do Trabalho Jeferson Seidler, é importante  que o empregador crie um ambiente que não represente um risco permanente ao trabalhador. "Depende do empregador [...] adotar medidas de controle, em especial aquelas pertinentes ao ritmo de trabalho e às metas adequadas, ou seja, alcançáveis."

Redução do estresse

Segundo o auditor, é recomendável o investimento em treinamento de lideranças para melhorar as relações interpessoais e em iniciativas que diminuam o estresse, como pausas, ginástica laboral e outras atividades de relaxamento.

Para o trabalhador

O Ministério do Trabalho recomenda que o trabalhador permaneça sempre vigilante para manter sua rotina saudável. Se estiver passando por situação de risco, ou se algum colega também estiver em situação similar, a dica é relatar as observações ao superior por meio da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (Cipa), não só em casos de insegurança no trabalho, mas também em casos de transtorno mental.

Brasil

Categoria : Saúde

Constroluz
Heller
Elit
Nenhum comentário encontrado.

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos marcados com * são obrigatórios.